Artigo: Sinalização aponta caminho para novas oportunidades na decoração de interiores

Artigo: Sinalização aponta caminho para novas oportunidades na decoração de interiores

A sinalização desempenha um papel interessante em nossas vidas. Muitas vezes passamos o dia sem reconhecer plenamente os sinais que encontramos, mas isso não quer dizer que ela não tenha um impacto sobre nós. Muito pelo contrário - ela nos direciona, nos recorda e até influencia nossas decisões. De uma perspectiva de vendas, ela pode ser usada para atrair novos clientes e alertá-los sobre produtos e serviços.

Comprovada por ser altamente impactante em capturar atenção e enviar uma mensagem, não é de se admirar que exista uma demanda crescente por sinalização atraente em espaços internos como lojas, hotéis, restaurantes, locais de entretenimento e até escritórios. E com os avanços da tecnologia, combinados com um melhor entendimento de como a sinalização é usada, está tornando-se uma ferramenta essencial para atender desafios como envolver os consumidores que esperam mais personalização, design envolvente e experiências memoráveis. Neste sentido, a sinalização de interiores está movendo-se do funcional ao estético e ocupando o seu lugar no mercado de decoração de interiores.

Como um mercado próspero, a empresa de pesquisas Smithers prevê que o espaço da decoração de interiores cresça anualmente 5% de 2018 a 2023. Nos últimos cinco anos, na FESPA, temos visto um enorme potencial neste setor em todos os setores que representamos - conforme reconhecido na Europa pelo Printeriors e nas várias edições, no Brasil, de nossos espaços de decoração.

Em uma recente entrevista com Harold Klaren, gerente internacional de vendas da empresa holandesa fornecedora de sinalização EFKA, foi destacado que esta tendência está trazendo mudanças para a empresa e seus clientes. Fundada em 1888 como uma empresa de porta-retratos, a EFKA fabrica molduras de alumínio, iluminada ou não, para clientes em todo o mundo. Reconhecendo a demanda crescente por aplicações de sinalização decorativa nos espaços internos, EFKA adaptou seus produtos, por exemplo, fazendo molduras com bordas arredondadas para maior segurança e expandindo seu portfólio de cores.

Harold explica: “Nos últimos anos, reconhecemos que muitos de nossos clientes - tanto fabricantes de sinalização como impressores de grande formato - mudaram seus focos para o mercado de decoração de interiores. Muitas marcas querem manter seus espaços novos e excitantes e, com a sinalização, é possível mudar completamente a aparência de um ambiente interior dentro de algumas horas”.

Como Harold explicou, a sinalização pode ser atualizada facilmente e as marcas apreciam a habilidade de renovar regularmente os espaços interiores com sinalização. Por exemplo, um teatro pode usar sinalização para refletir a produção atual, ou restaurantes podem fazer atualizações sazonais na sinalização para refletir as mudanças no menu. Para os profissionais de sinalização, esta é uma oportunidade de ouro. Por quê? Mais atualizações se traduzem em mais sinalização e um aumento nos pedidos. Isso também dá aos fabricantes de sinalização mais liberdade criativa para sugerir novas ideias, apoiando os clientes além de apenas fornecer o produto final.

Este novo foco da decoração de interiores está provocando crescimento em outra área, de acordo com Harold, que é o aumento da demanda por sinalização iluminada. Em resposta a isso, EFKA novamente expandiu sua oferta. “Produzir sinalização iluminada abre muito mais oportunidades. Nós podemos produzir molduras com LED regulável, com iluminação RGB que muda de cor, com sintonizador para variados brancos ou até mesmo oferecer uma iluminação dinâmica que muda a imagem e permite a reprodução de um vídeo. Mais importante ainda, os clientes querem mais flexibilidade para controlar sua sinalização, por isso é essencial que a iluminação possa ser operada por eles”.

Outro tópico em alta neste mercado é a demanda crescente por soluções de sinalização sustentável. À medida que novos materiais ecológicos chegam ao mercado, fabricantes de sinalização podem explorar novas formas de aumentar o apelo do design de interiores, por exemplo, reforçando uma mensagem de sustentabilidade das marcas ao adicionar plantas ao redor da sinalização.

Sinalização em um ambiente pós-COVID

É claro, nós não podemos ignorar que a COVID-19 tem um impacto significativo sobre o mercado de sinalização. Com os lockdowns locais forçando muitos espaços comerciais e de varejo fechando, fabricantes de sinalização sentiram o efeito de redução de negócios. No entanto, em resposta às restrições de saúde e segurança impostas pela pandemia, muitos negócios de sinalização permaneceram ágeis, adaptando seu foco para fornecer produtos essenciais para a reabertura e operações gerais de muitas empresas.

Harold explica: “Nós vimos o impacto da pandemia COVID-19 no nosso negócio principal muito cedo e decidimos que podíamos fazer duas coisas: esperar o mercado retornar ao normal ou adaptar nossas molduras para novos propósitos. Com a desconhecida longevidade da pandemia, começamos a produzir elementos de separação de distanciamento social e estações de higienização, que se mostraram extremamente populares”.

Refletindo em 2020, a história da EFKA será também relatada por muitos produtores de sinalização. “Nós testemunhamos a resiliência em todo o mercado e o papel essencial da sinalização, reconhecido em muitas indústrias em todo o mundo”, diz Harold.

À medida que emergimos dos lockdowns locais, por todas as razões que destacamos aqui a EFKA está confiante que os investimentos em sinalização irão retornar e os fabricantes de sinalização poderão aproveitar as novas oportunidades. Nas feiras, como a European Sign Expo e a FESPA Digital Printing, serão destacadas soluções de sinalização inovadoras do mercado, ajudando os fabricantes a atender às demandas dos clientes em decoração de interiores e muito mais.

Fonte: FESPA