O corte a laser em MDF

O corte a laser em MDF

Na última matéria, mostramos como o MDF vem sendo uma opção interessante e em crescimento entre os produtos de materiais com o uso de impressão digital, seja para os mais criativos pontos de venda ou até mesmo para outros fins, como a produção de pequenos objetos de decoração. Vale a pena conferir novamente. Agora, vamos falar do passo seguinte do processo da impressão: o corte.

O corte correto no MDF constrói os projetos mais inteligentes e bonitos, com formas perfeitas, produzidas com alta tecnologia e qualidade. Entrevistamos dois fornecedores de mesas de corte para saber mais como anda a tecnologia do corte a laser, seus benefícios e mais cuidados ao lidar com o material. Confira:

Os benefícios do corte MDF

Para Cristiano Guerra, do Departamento Comercial da BG Soluções, que representa no Brasil a marca Zünd, especialista em mesas de corte, o corta a laser se beneficia por poder fazer gravações de figuras e imagens, além de pequenos detalhes em MDF de baixa espessura. “Já o corte em si, principalmente de materiais mais espessos, o processo com fresa se destaca”.

Edmar Pereira, Diretor Comercial da ECNC Máquinas de Corte a Laser, detalha a possibilidade de personalização possível pelo laser, e o baixo custo de manufatura do material. “Quando se trabalha com um equipamento de alta velocidade, os custos são extremamente reduzidos”, relata.

Desafios e cuidados

Edmar relata que o principal cuidado que precisa ser tomado com o MDF é a sua armazenagem, visto que ele pode “empenar” facilmente, devendo assim tomar muito cuidado para não prejudicar o corte. Sobre um trabalho prévio, não há: hoje em dia os fornecedores de MDF já fornecem o material compatível com área útil dos nossos equipamentos.

Guerra também considera que o MDF deve ser bem armazenado para a umidade não danificar a placa. Além disso, “Por ser um material aglomerado, pode-se provocar sujeira durante seu processamento. Por isso, a ferramenta e sistema de aspiração adequados são importantes”.

O representante da Zünd também esclarece que, no momento do corte, deve-se ter a broca correta e os parâmetros adequados para cada diferença de material. “Com a Zünd, esses parâmetros já estão automaticamente definidos no software da máquina e se pode iniciar o corte de maneira rápida e segura”.

O MDF no PDV

Cristiano Guerra relata que há muitos nichos dentro do mercado de ponto de venda e alguns deles buscam materiais alternativos mais leves e que ocupem menos espaço para o seu transporte. “Já no processo estrutural de lojas o MDF certamente é um material que se destaca e tem um uso bem expressivo”.

O MDF, completa Cristiano, é um material bastante resistente. “Ele passa a imagem de um produto muito bem acabado, de qualidade e robustez. O MDF é um material normalmente mais uniforme e de baixa deformação frente a alternativas mais simples. Além disso, é um material que permite uma impressão de qualidade e excelente acabamento de corte quando feito com a Zünd”.

Edmar relata que, com o passar do tempo, o uso de MDF em ponto de venda tem aumentado exponencialmente e também a quantidade de clientes que compram o equipamento para essa finalidade. “O MDF é barato, hoje em dia é facilmente encontrado e aliado a uma boa máquina laser torna-se extremamente competitivo por ter os custos de manufatura reduzido. Além é claro da possibilidade de personalização do PDV”.

“Acho interessante a ideia de dar mais "atenção" ao MDF pois é um material muito utilizado hoje em dia para todos os fins, porém não vemos tanto marketing relacionado a isso. Até então é visto como um material para artesanato apenas, não para um produto acabado”, finaliza o executivo da ECNC.

Equipamentos

A Zünd tem muitos diferenciais no processamento de MDF, explica Cristiano Guerra: “Além do reconhecimento de imagens impressas no material, podemos cortar, chanfrar, rebaixar e fazer trabalhos em 3D no MDF. Essas possibilidades são facilitadas por a Zünd ter como opcional um magazine de até 8 brocas que podem ser trocadas automaticamente durante a mesma operação. Essas ferramentas permitem a empresa por em prática toda sua criatividade para criação de displays e produtos para PDV”.

Assim como a BG com a Zünd, a ECN também estará na FESPA Digital Printing 2020 mostrando seus equipamentos de corte a laser. A principal feira de impressão digital do país ocorre de 18 a 21 de março de 2020 no Pavilhão Azul do Expo Center Norte, em São Paulo. Edmar já planeja a participação: “Temos alguns parceiros que desenvolvem projetos muito criativos em MDF e vamos apresentar alguns deles no nosso estande. Além disso, quem adquirir nossa máquina na feira vai ganhar um ‘Starter-kit’ com MDF e alguns arquivos exclusivos para começar dar uma nova perspectiva para o MDF”.

Inscreva-se gratuitamente agora mesmo e venha conferir o que a FESPA Digital Printing está preparando para você: www.fespabrasil.com.br/pt/visitar/cadastro.