Webinar com Mimaki & FESPA Brasil tratou da reinvenção da impressão digital

Webinar com Mimaki & FESPA Brasil tratou da reinvenção da impressão digital

Como entender o seu posicionamento no mercado e como agir para transformar sua empresa. Estes foram os principais tópicos tratados durante o webinar Mimaki & FESPA Brasil - A Reinvenção da Impressão Digital, que reuniu centenas de profissionais em comunicação visual, os quais receberam informações sobre o setor e viram em primeira mão o lançamento da nova impressora da Mimaki, a impressora UJV-100 160. O webinar ocorreu através da plataforma Live Business APS, especializada no gerenciamento de eventos híbridos e online.

O evento teve início com Danilo Ribeiro, gestor de Marketing e Produto da Mimaki Brasil, destacando a atuação global da companhia e também sua estrutura no país. Hoje são 5 filiais no Brasil - além da matriz e de um laboratório têxtil em São Paulo, a empresa está presente com filial em Recife, Belo Horizonte e Blumenau, além de parceiros por todo o país.

Danilo deixou claro que o showroom está à disposição para dar o suporte técnico necessário e para fazer testes e desenvolvimento de produtos. A Mimaki hoje está inserida em três mercados principais na impressão - têxtil (com sublimação ou direta no tecido), industrial (com equipamentos UV plana e com corte - passando de brindes a grandes indústrias) e comunicação visual, que foi o foco do webinar.

Veja como foi o evento em:

Novos pensamentos e novos mercados

Após a introdução, Danilo Ribeiro recebeu Luciana Andrade, especialista em comunicação visual e responsável por iniciativas como a Revista Grandes Formatos e o Prêmio GF Buraeu Criativo. Foi uma conversa de altíssimo nível e que gerou uma série de reflexões relevantes.

Luciana iniciou falando sobre o comportamento de compra que todos temos e muitas vezes é levado mais pelo lado emocional do que pelo racional. “E sempre optamos por comprar de um especialista, pois isso nos traz mais segurança. Essa é a vantagem de ser um especialista, é se tornar uma referência no que faz”.

Danilo concordou e reforçou que muitos empresários que querem fazer tudo acabam tendo dificuldades de fazer bem. A comunicação visual é um setor que tem mais flexibilidade de atender mercados distintos com qualidade, mas é preciso ter foco em um nicho de mercado - e aí, sim, dentro desse nicho, possuir um amplo portfólio de soluções aos clientes.

Para Luciana, é preciso traçar uma linha estratégica e aí sim aumentar o portfólio dentro dessa linha de atuação. E, para isso, é necessário entender o cliente para o qual vai trabalhar e saber quais são suas reais demandas. E o momento criado pela pandemia propiciou que muitos empresários pudessem respirar, reavaliar seus negócios, cortar o que não era lucrativo e até entender a necessidade de terceirizar o que estava dando prejuízo.

Ainda sobre a questão de se especializar, Danilo reforçou que é sim possível atender diferentes mercados e processos, mas para isso o ideal é que sejam criadas equipes específicas para cada tipo de situação. E, claro, nada acontece sem conhecimento.

“Antes de você sonhar com um mercado, é preciso buscar conhecimento, aprender muito. Estudar antes de entrar e buscar ter autoridade para gerar lucratividade. E o investimento precisa ser, principalmente, na equipe de trabalho. O funcionário que vai atender tem que aprender, e é essencial investir nele também”, diz Luciana.

Exemplo interessante dado por Luciana Andrade: quer ser especialista em PDV, onde há um mercado enorme a se alcançar? Busque estudar neuromarketing. Muitas ideias surgirão e você pode mostrar seu conhecimento ao cliente, ele vai gostar tanto das dicas que fechará o projeto com você.

Outra dica dada pela dupla: andar de mãos dadas com seu fornecedor, pois é ele que vai te dizer o que pode ser feito de novo com novos materiais, e compartilhar ideias diferenciadas que pode ter visto em outros clientes. Isso fará com que você aprimore seus serviços. E é uma via de mão-dupla: você também precisa levar suas demandas ao fornecedor para que ele possa sempre aprimorar processos e produtos.

Para Luciana Andrade, o que o empresário precisa ter sempre em mente é que, quando um cliente pede um banner, não é exatamente um banner que ele quer: “É preciso entender o que o cliente quer vender com aquele banner. Você pode oferecer a ele um display, um projeto bonito, diferenciado, onde ele pode colocar o produto e atrair o cliente”.

Ou seja, é fazer o próprio marketing. Assim, a empresa sai do foco de metro quadrado e passa a tratar com projetos especiais, com margens bem melhores. E, nos produtos que você não consegue produzir, basta trabalhar em parcerias.

Para finalizar a conversa, Danilo Ribeiro passou algumas “lições de casa”: conheça seu mercado, especialize-se, diferencie-se e conheça seus clientes e fornecedores. Siga seu propósito!

Mimaki UJV-100 160

Danilo Ribeiro detalhou os aspectos da nova Mimaki UJV-100 160, impressora inkjet UV LED rolo a rolo. São duas novas cabeças de impressão escalonadas com duplo CMYK e podendo trabalhar com branco ou verniz. O equipamento atua com as novas tintas UV da Mimaki, oferecendo ampla flexibilidade para atender o mercado de comunicação visual.

A tinta oferece flexibilidade ao substrato, com facilidade para fazer cortes e dobras pós-impressão, sem prejudicar a mídia. Ela vem em garrafas de um litro para trazer mais autonomia de produção, menor necessidade de troca frequente de reservatório de tinta. Ao ser controlada através de chip, consegue gerenciar o controle de qualidade, acompanhar a data de validade e permitir um maior controle de processo, tudo através do software que dará todas as referências necessárias.

Outros recursos incluem o NCU (Sistema de Checagem de Nozzles), NRS (Sistema de Recuperação de Nozzles), MAPS 4 (Sistema de passadas Mimaki 4) e função DAS (Sistema de ajuste de pontos), proporcionando uma produção estável. Posições dos pontos e a alimentação da mídia podem ser configuradas automaticamente, reduzindo assim, o tempo de trabalho.

O equipamento imprime em PVC, papéis, tecido sem tratamento, BOPP, policarbonato, dentre outros tipos de materiais para uma variedade de aplicações, incluindo decoração, envelopamento, rótulos / etiquetas e outros.

Para finalizar, André Molnar, Analista de Desenvolvimento de Produtos na Mimaki Brasil, demonstrou o novo equipamento na prática e tirou todas as dúvidas dos participantes do webinar. Tudo sobre a máquina em: https://brasil.mimaki.com/product/inkjet/i-roll/ujv100-160/feature.html

Novos momentos

Após o webinar, o time da Mimaki e a especialista Luciana Andrade conversaram com exclusividade com a FESPA Digital Printing para falar do momento atual, das perspectivas futuras e de com se diferenciar.

Danilo Ribeiro destacou que o resultado da Mimaki no ano de 2020 foi muito positivo, com bons números e faturamento dentro do esperado. Para 2021, a perspectiva é que o mercado vai mudar e que a reinvenção será fundamental para seguir forte, isso não só na comunicação visual e na impressão como em qualquer outro ramo empresarial. Será preciso buscar se diferenciar com melhores alternativas de impressão. E a Mimaki estará pronta com equipamento e suporte para fornecer mais possibilidades de negócio.

Danilo ressaltou que, nessa reinvenção, empresas estão olhando para mercados como o de decoração, onde há muitas oportunidades, e também em rótulos, focando nas pequenas tiragens e impressos especiais, como nas cervejarias artesanais. A Mimaki inclusive enxerga um mercado promissor nos rótulos, com as convertedoras menores fazendo as baixas tiragens e as maiores usando seus equipamentos para testes e provas.

Falando em mercados promissores, Luciana Andrade citou, além da decoração, explorar a máxima criatividade em ponto de venda, que terá sua demanda estimulada no momento da reabertura. Outro setor é o soft signage, a sinalização em tecido que ainda não avançou o suficiente no país e tem enormes oportunidades com possibilidades de volumes gigantescos de impressão.

Sucesso do evento

Caroline Vieira, analista de Marketing da Mimaki Brasil, falou sobre o evento e a parceria: “A parceria com a Live Business APS foi excelente do começo ao fim. Tivemos todo o suporte pré-evento, com ensaios para entendimento da plataforma e envio diário de relatórios sobre o cadastro para nosso evento. O engajamento nas redes sociais, por conta da divulgação eficiente, foi tão positivo que tivemos muitas solicitações de orçamento ainda na pré-campanha. Em geral, foi mais eficiente e tranquilo do que quando tentamos fazer por uma outra plataforma”.

Danilo Ribeiro, gestor de Marketing e Produto da Mimaki Brasil, destacou o êxito da iniciativa: “O evento Mimaki & FESPA Brasil - A Reinvenção da Impressão Digital foi um enorme sucesso. Um público de qualidade compareceu e, pela facilidade de uso e interatividade da plataforma, conseguimos tirar muitas dúvidas durante o evento. O saldo é plenamente positivo porque conseguimos ultrapassar nossa meta de pré-cadastros e de participantes. A facilidade de acesso à plataforma e o suporte do time da Live Business APS durante o webinar nos deixaram tranquilos e focados em apresentar o nosso lançamento, sem que tivéssemos qualquer outra preocupação”

A plataforma da Live Business APS permite uma grande interatividade e os participantes puderam usar o chat para fazer perguntas e comentários sobre os tópicos levantados na conversa, gerando um ambiente ainda mais proveitoso e um conteúdo adicional. Em resumo, o pensamento fundamental de que é preciso se diferenciar; não basta vender um produto para um cliente, e sim uma solução. E só o conhecimento fará com que as empresas alcancem essa capacidade.